Você sabe como inovar e criar campanhas online de sucesso?
24 de junho de 2019
Veja como aprimorar a experiência do usuário com anúncios
28 de junho de 2019
Exibir Tudo

Conheça 3 tendências para monetização dos publishers

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Portais de notícias, blogs, revistas digitais e as mais diversas plataformas de informação que estão disponíveis na internet demandam dos seus editores e produtores um desafio que vai além de desenvolver um conteúdo de qualidade: a monetização dos publishers.

De forma bem objetiva, o grande obstáculo é transformar a informação disponibilizada para o usuário em algo rentável.

Muitas práticas já são utilizadas e conhecidas para rentabilizar o trabalho de quem gera conteúdo on-line. Porém, como o meio digital é dinâmico e se adapta ao comportamento de consumo com agilidade, é importante ficar atento às tendências que o movimentam.

Ficou interessado pelo assunto? Então, confira as principais tendências para a monetização dos publishers.  São 3 novidades importantes e que prometem gerar bons resultados para editores, anunciantes e consumidores.

1. Segmentação contextual

Antes das discussões envolvendo a proteção de dados que movimentaram o mercado em 2018, a segmentação era feita pelo comportamento do usuário por meio do monitoramento das páginas visitadas e pela coleta de dados — muitas vezes, sem critérios estabelecidos.

Como resposta ao cenário de insegurança, a segmentação contextual começou a ser utilizada e já é tendência para a monetização dos publishers.

Esse tipo de segmentação analisa os conteúdos que estão sendo consumidos pelo usuário em tempo real e exibe publicidades por semântica das palavras-chave encontradas. Com a segmentação contextual, os meios para direcionar as estratégias digitais ficaram mais seguros.

2. 5G e os novos formatos

A tecnologia 5G ainda não está em funcionamento no Brasil, mas a expectativa dos publishers é que, além de mais velocidade para acessar a internet, sejam desenvolvidas novidades na publicidade on-line — e, junto a elas, novos meios para monetizar.

Assim como o formato de vídeo (que teve maior intensidade de consumo após a internet 4G se estabilizar nos smartphones), a tendência é que novos formatos sejam criados para atender as demandas do usuário diante da nova tecnologia.

Versões de alta performance (como vídeos em resoluções cinematográficas) e novos formatos para a interação (como realidade aumentada) são promessas já apontadas pelo mercado.

3. Conteúdo para assinantes

O conteúdo pago segue firme quando o assunto é tendência para monetizar publisher. A prática de entregar conteúdo exclusivo para assinantes não é uma novidade no meio digital e já é feita no Brasil, principalmente por portais de notícia.

Porém, por mais que seja conhecida, é uma prática desafiadora: é preciso inovação, criatividade e atendimento às expectativas para justificar o investimento do usuário.

Em uma pesquisa realizada pelo Instituto Reuters com 200 empresários de mídia de 29 países, esse modelo de monetização é a grande aposta dos grupos jornalísticos para agregar valor ao trabalho desenvolvido por eles.

São muitos os fatores que influenciam na rentabilidade de conteúdos on-line, seja de grandes portais ou de um blog pessoal. Por isso, acompanhar as tendências para a monetização dos publishers é muito importante para quem trabalha ou tem interesse pelo tema.

Quer uma dica para não perder nenhuma informação sobre publicidade on-line? Basta seguir a SimpleAds nas redes sociais e aproveitar os conteúdos desenvolvidos pelos nossos especialistas. Estamos no Facebook e no LinkedIn!

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.